Thomaz F. Flores da Cunha
 
 
 
 

Aos turfistas!

Com profunda tristeza, cabe-me dizer que perdi um grande amigo, companheiro de longa jornada. Perdemos, todos nós, o convívio com uma pessoa de bem e rica de caráter.


Carlos Eduardo Krieger

Carlos Eduardo Krieger, Caco para os mais próximos, como sabido, era homem de atitudes firmes e desassombradas, sempre mantidas num patamar de ética e correção. Sua postura, em sua profícua trajetória, sempre foi inatacável. No turfe, em particular, obteve currículo invejável, como criador de PSI, com seu Haras do Álamo, de onde saíram inúmeros ganhadores, frutos de garanhões como Ipu, Nanquim e So Blue.
Proprietário, lançou vários animais às pistas, presidindo a Associação Gaúcha dos Criadores de Cavalos de Corrida, quando foi precursor das atividades ligadas aos leilões de potros. Exerceu a Vice-Presidência do JCRGS na direção da Comissão de Corridas durante a gestão de Antonio Demarchi Chula. Na Diretoria de Paulo Cesar Sampaio de Oliveira, fomos colegas na Vice-Presidência, ele no comando da então Comissão de Fomento. Como Conselheiro atuante de nossa entidade, jamais deixou que se amainasse seu entusiasmo pelo turfe e nunca se furtou aos chamamentos que lhe foram impostos. Submeteu seu nome ao pleito de Vice-Presidente do JCRGS, honrando-me na composição de minha chapa, tendo, em nova oportunidade, concorrido ao cargo máximo de nosso clube.
Afora isso, cabe registrar sua destacada participação como Diretor do Grêmio Futebol Porto-Alegrense, outra enorme paixão, e a expressiva atuação enquanto advogado.
Krieger vai permanecer na nossa lembrança por sua atuação e companheirismo, fazendo grande falta como exemplo daqueles que dedicaram seu tempo e competência ao desenvolvimento do turfe.
Segue, Krieger, com nossa saudade e aplauso!


Thomaz F. Flores da Cunha

 

 

 
 

© 2018 - Jornal do Turfe Ltda.
Copyright Jornal do Turfe. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução do conteúdo desta página
em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização escrita do Jornal do Turfe.